Rede de Pesquisa e Inovação em Leite

Você sabe o que são índices zootécnicos?

Qual a sua importância na criação de bezerras?

 

Autoras: Vanessa Cominato – Graduanda em Medicina Veterinária da UFJF e Mariana Campos – Pesquisadora da Embrapa Gado de Leite

 

Os índices zootécnicos são valores que permitem avaliar o desenvolvimento dos animais e identificar situações que necessitem de intervenção de modo a corrigir as falhas e maximizar a produção.

 

Para a análise destes índices é essencial que na propriedade seja formado um banco de dados, ou seja, um registro diário das informações relacionadas com a bezerra, dados esses que serão importantes para o controle do rebanho e gestão da propriedade.

 

Os registros podem ser feitos em cadernos, fichas de controle ou computador. Lembre-se de guardar as informações com cuidado, pois só assim será possível manter um histórico da fazenda, que será útil na definição de metas e nas tomadas de decisões. Afinal, a diferença entre lucro e prejuízo da fazenda será obtido através de todo controle realizado e ações.

Figura 1. Ficha de Controle de Índices Zootécnicos para Bezerras

As anotações sobre a bezerra iniciam-se a partir das informações sobre como ocorreu sua gestação, se houveram intercorrências durante o parto, como foi a sua colostragem, peso e tamanho ao nascer e como foi a cura de umbigo, entre outros.

Após essa fase inicial, uma das metas recomendadas é que as bezerras dobrem o peso ao nascimento nos primeiros 60 dias de idade, para que aliado a outros fatores seja possível atingir a maturidade sexual de forma precoce. Para isso, é necessário que se acompanhe o ganho de peso das bezerras, o que pode ser feito com balanças ou com fitas de pesagem.

Para a pesagem em balança, essa deve estar limpa antes de se colocar o animal para pesar e conferir se está adequadamente regulada.

A fita de pesagem é uma excelente ferramenta quando não se dispõe de balança na propriedade. A fita métrica deve ser colocada com o animal em pé, com a cabeça para frente, com a fita posicionada atrás dos membros anteriores e atrás da paleta, esticando-a (sem apertar) sobre o corpo do animal.

A altura também é uma medida importante de ser observada, com o uso de uma fita métrica ou hipômetro é mensurada a partir do ponto mais alto da cernelha, devendo-se manter o animal com a cabeça voltada para frente e para cima, em pé numa superfície plana para que a medida não seja alterada.

O acompanhamento dessas medidas permite avaliar o desenvolvimento da bezerra, pois a altura reflete o crescimento em estrutura (crescimento ósseo), enquanto que o peso corporal reflete o crescimento de órgãos, músculos e tecido adiposo (gordura).

 

Com essa análise é possível identificar o ganho de peso médio diário da bezerra, que pode ser calculado de acordo com exemplo a seguir:

Ao nascimento, o peso da bezerra foi de 38 Kg, como o objetivo é atingir o dobro do peso ao nascimento em 60 dias, ela deve atingir 76 Kg. Considerando-se que o desaleitamento da bezerra ocorrerá aos 60 dias, o ganho de peso diário (GPD) será calculado a partir da seguinte fórmula:

 

GPD = Peso Desaleitamento – Peso Nascimento

         Dias ( do nascimento ao desaleitamento)

 

GPD = 76Kg – 38Kg

               60       

 

GPD = 0,63 Kg = 630 gramas

 

Através do cálculo, vemos que a bezerra precisa ganhar 630 gramas por dia para atingir o objetivo de dobrar de peso em 60 dias. Isso é útil pois através do ganho de peso diário é possível saber se alimentação está sendo suficiente ou se são necessárias alterações.

 

Os cuidados com as bezerras são essencias, pois elas são o futuro da propriedade. Dessa forma, todas as informações coletadas irão direcionar o manejo adotado e auxiliar na criação de bezerras e futuras vacas mais produtivas e sadias.

 

Vocês sabiam o que eram os índices zootécnicos? Quais índices vocês coletam? Qual a forma de anotações de registros vocês utilizam na sua fazenda: cadernos, fichas, aplicativos ou computadores?

Exibições: 230

Responder esta

Respostas a este tópico

Parabéns pela iniciativa. Faço o controle e forco o contato com o concentrado desde os primeiros dias. Aos 60d, verifico e diminuo o sucedâneo para 2l dia caindo ate zero aos 75. Separo do bezerreiro tropical pra um curral de prevenda, somente racao e volumoso. E dai em diante quais os indices para acomoanhamento?

Olá Eduardo, obrigada!

Após o desmame recomenda-se que o acompanhamento do ganho de peso mensal dos animais ainda seja realizado, pois com crescimento e desenvolvimento adequados é possível atingir a maturidade sexual de maneira precoce e que os animais iniciem mais cedo a produção de leite.


Por exemplo, para a raça holandês, considerando-se um peso “maduro” de 650 kg, têm-se como meta que as bezerras alcancem 17% do peso maduro aos 90 dias de idade; 55 a 60% do peso maduro entre 13 a 15 meses, estando aptas para serem inseminadas; para que, dessa forma, já tenham 94% do peso maduro 7 dias antes do parto, o que ocorre geralmente aos 23 meses de idade com ganho de peso médio próximo a 800g por dia.


Mas veja bem, esse é apenas um exemplo, é importante que de acordo com a sua criação, você estabeleça quais os objetivos da sua fazenda para, a partir disso, definir quais as suas metas de ganho de peso.
Além disso, é essencial acompanhar os índices de mortalidade e ocorrência de doenças na propriedade.

Responder à discussão

RSS

© 2020   Criado por Embrapa Gado de Leite.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço